Garanta a Eficiência dos Sistemas de Energia

O sistema de energia é extremamente complexo e deve passar por análises e processos de manuteção constantemente, sendo crucial para manter seu pleno funcionamento e garantir resultados excelentes de funcionamento, bem como prezar pela segurança do estabelecimento, visto que se trata de um sistema que apresenta certo risco. Uma das medidas mais eficientes adotadas para garantir todos estes fatores é a correção fator potência.

Mas afinal, do que se trata este procedimento e como ele é realizado? Vamos entender de forma sucinta e prática ao longo deste artigo, destacando os principais fatores que envolvem esta correção. Atente-se às informações a seguir:

De forma simples e geral, esta correção tem como principal objetivo deixar a rede mais eficiente através da instalação de bancos de capacitores “anulando” ou “juntando” as curvas de tensão e corrente. Com o ganho de eficiência que oferece, essa correção não permite que os equipamentos operem com cargas desajustadas e sem produção efetiva.

Quando se consome muita energia reativa em relação à energia ativa, ocorre o baixo fator de potência. No entanto, há um caminho mais seguro para uma correção efetiva e compensar as cargas indutivas existentes, ou seja, fazendo a instalação de um banco de capacitores, neutralizando a energia reativa por carga capacitiva.

Em linhas de transmissão, por exemplo, o banco de indutores é utilizado para compensar o efeito capacitivo. Uma carga capacitiva antecipa a corrente e uma indutiva antecipa a tensão, portanto, ao unir as duas cargas tornamos o nosso fator potência o mais eficiente possível. Lembrando que para um procedimento desenvolvido com segurança e qualidade, é necessário profissionais qualificados para execução do serviço.

Postagem criada em: 26/10/2021 - 09:21


Sobre a categoria dessa página Soluções: Conheça um pouco mais sobre as soluções oferecidas por empresas de diversos segmentos, qualidade no atendimento e na prestação do serviços.