Assegure o desenvolvimento de suas atividades

Os reservatórios para incêndio podem ser elevados, ao nível do solo, semi-enterrado ou enterrado. Ele precisa estar em uma posição que forneça vazão e pressão requerida em cada sistema de segurança. Assim, um rio, uma represa, um açude, ou qualquer outra fonte de água, desde que seja exclusiva, serve como fonte de abastecimento em casos específicos.

Existem alguns quesitos que são levados em conta na hora de inspecionar um reservatório de incêndio. Um deles é se ele possui o volume adequado. Para saber essa informação, é utilizado um dispositivo que indica o nível d’água. Também pode ser usado um alarme que indica quando a quantidade está baixa. Em tanques de pressão, são empregados os manômetros, que mostram a pressão interna. Verificar esse item é indispensável para evitar adversidades.

A personalização dos reservatórios leva em consideração a capacidade necessária para atender o projeto de fornecimento de água, sendo assim, o cliente otimiza o espaço, com reservatórios elevados e economiza na compra de várias caixas d’água que podem não atender conforme o esperado.  A inspeção do reservatório de incêndio deve verificar se elas, junto às tubulações, que estão nos tanques, estão corretas. Essa ação tem o objetivo de revelar possíveis alterações nas instalações desses componentes.

Diante de todos esses fatores, a recomendação é que se pesquise por empresas especializadas antes de tomar quaisquer decisões precipitadas. Além disso, estabeleça uma relação de transparência e comprometimento para que todos os prazos estipulados sejam cumpridos à risca. Por fim, verifique o custo benefício, pois, nem sempre pagar mais caro é sinônimo de qualidade garantida. Pesquise bem antes de fechar negócio com uma empresa.

Postagem criada em: 12/04/2022 - 10:07


Sobre a categoria dessa página Fabricantes: Conheça um pouco mais sobre os produtos oferecidos por fabricantes. Qualidade no atendimento e na prestação dos serviços, confira aqui.