Vistorias nas portas de emergência: quem realiza?

Sabemos que diversos elementos em edifícios devem passar por manutenções e vistorias, mesmo os que não possuem um uso regular, como as portas de emergência. Contudo, mesmo que não haja nenhum uso dessas portas, é fundamental que elas estejam com as suas manutenções em dia.

Além disso, mesmo que não tenha tido alguma situação onde foi necessário utilizar as portas de emergência, muitos condôminos utilizam as mesmas de maneira inadequada, o que, mais uma vez, faz ser necessário vistorias regulares para garantir o pleno funcionamento das portas em uma situação de pânico.

A Norma do Corpo de Bombeiros recomenda que as vistorias aconteçam mensalmente para uma inspeção completa de todo o sistema automático das portas, bem como a limpeza de todos os componentes, lubrificação das partes móveis da porta e regulagens das molas.

Esta mesma norma também recomenda vistorias a cada seis meses para a substituição de peças e componentes que apresentam sinais de falhas e desgastes e manutenções mais profundas para garantir que todo o sistema da porta esteja em boas condições em uma emergência, proporcionando a vedação esperada.

Contar com uma empresa de manutenção de porta corta fogo é de suma importância para ter a garantia de que os procedimentos serão seguidos corretamente e dentro de todas as normas regulamentadoras de segurança.

Para finalizar, podemos destacar que as vistorias feitas de maneira inadequada comprometem a durabilidade das portas e trazem diversos malefícios, inclusive financeiros, ao tornar as manutenções ainda mais caras, por isso, conte somente com profissionais especializados.

Postagem criada em: 31/08/2021 - 16:41


Sobre a categoria dessa página Manutenção: Conheça um pouco mais sobre os serviços de manutenção oferecidos por empresas de diversos segmentos, qualidade no atendimento e na prestação do serviços.